Começa hoje a II Semana Teológica da Faculdade Católica

A Faculdade Católica recebeu hoje, 30/ 05, representantes da comunidade local, religiosas, leigos e leigas para o início da II Semana Teológica. O palestrante padre Rogério Ferreira da Silva, da Paróquia de Santa Rita, cidade de Três Corações, falou sobre “A misericórdia no magistério do Papa Francisco”.
Estiveram presentes o diretor da instituição, padre Daniel Santini Rodrigues, o vice-diretor Cônego Wilson Mário de Morais e o coordenador do curso de Teologia, padre Adriano São João, que foi o responsável pela acolhida de todos os presentes. “Nós esperamos que essa semana teológica seja um espaço de reflexão para todos nós, não só para os alunos da Faculdade Católica de Pouso Alegre como todas as pessoas que tem interesse em refletir e aprofundar em um tema que é fundamental para a vida do ser humano e importante para todas as pessoas de fé, que é o tema da misericórdia”, salienta padre Adriano.
A semana foi oficialmente aberta pelo diretor padre Daniel Santini, que na sua fala, ressaltou o importante trabalho realizado pela coordenação do curso e pelo Órgão de Representação Estudantil – Ore, ao tornar possível a II Semana Teológica.
A animação do encontro ficou por conta dos alunos do curso de Teologia do seminário de Guaxupé, Reginaldo, Gustavo e Felipe.
O palestrante, padre Rogério cativou todos os presente através de um discurso sereno e embasado nas seguintes fontes: exortação apostólica “Evangelii Gaudium”, Bula “Miserícordiae Vultus”, Encíclica “Laudato Si” e Exortação Apostólica “Amoris Laetitia”, todos do sumo pontífice Francisco.
Ele salientou que para que haja misericórdia, é necessário estar abastecido de Misericórdia, aquela que vem do alto, do próprio Deus. “É preciso ainda, estar unidos, em comunidade, em Igreja. Nela, e através dela, o amor criativo poderá ser capaz de, efetivamente vencer o vencedor”.
A Irmã Sara Pinheiro da Silva, do Instituto Filippo Smaldone da Congregação das Irmãs Salesianas dos Sagrados Corações, participa pela primeira vez da Semana Teológica e acredita que ter essa semana realmente motiva todos a viver a misericórdia. “Nós podemos ler a respeito, mas quando escutamos outra pessoa nos explicando, quando outra pessoa nos abre os nossos olhos, verdadeiramente nos incentiva a viver o nosso cotidiano essa misericórdia”, esclarece.
O estudante do sétimo período de Teologia, Wendel Rezende, disse que a palestra de abertura da II Semana Teológica foi um momento especial para a Faculdade Católica. “Com propriedade e profundidade, o palestrante 'passeou' pelos vários documentos do Papa Francisco, dando uma verdadeira aula sobre a Misericórdia”.
Padre Adriano São João reforça o convite: “Gostaríamos de convidar você a participar conosco e refletir um pouco mais sobre esse tema da misericórdia”. A II Semana Teológica continua até o dia três de junho. Venha participar com a gente!

Padre Adriano São João durante a acolhida 

O vice-diretor da Faculdade Católica, Cônego Wilson Mário de Morais, o coordenador do curso de Teologia, padre Adriano São João, o palestrante, padre Rogério Ferreira da Silva e o diretor da Faculdade Católica, padre Daniel Santini Rodrigues

Grupo de animação do seminário de Guaxupé: Reginaldo, Gustavo e Felipe

Público presente

Terceira edição do Questões do Cotidiano traz como tema o amor

“A arte de amar”, com este título, o aluno do 1º ano de Teologia Anderson Ribeiro dos Santos foi o debatedor da terceira edição do “Questões do Cotidiano”, que aconteceu no dia 17 de maio no auditório da Faculdade Católica.
O evento contou com a presença de diversos seguimentos da igreja, entre agentes de pastoral, estudantes, seminaristas e comunidade em geral.
A atividade, além de ser gratuita, é proposta pela Faculdade Católica e tem como objetivo trazer para discussão temas da atualidade de forma agradável e convidativa. Acontece toda terceira terça-feira de cada mês.
O aluno do sétimo período do curso de Teologia Wendel Rezende argumentou que o projeto de extensão “Questões do Cotidiano” é uma excelente oportunidade para os acadêmicos da Faculdade Católica se encontrarem com a comunidade extra-acadêmica, que vem até a instituição para conversar sobre os temas polêmicos e atuais que são postos em discussão. “Assim, fomenta-se um rico ambiente de troca de experiências, onde o que prevalece é o interesse comum pela busca do conhecimento, apesar dos pontos de vista muito variados. Por esse motivo, tenho participado dos encontros todos os meses e parabenizo a Faculdade pela iniciativa”, enfatiza.
A abertura do evento foi realizada pelo aluno Júlio Cesar dos Santos Júnior, que falou sobre o “Amor em Søren Kierkegaard”.
Anderson Ribeiro dos Santos disse que a modernidade ou a pós-modernidade como dizem alguns estudiosos, trazem consigo dificuldades nas relações humanas, sobretudo na questão amorosa. “E o que marca nosso tempo é a fragilidade dos laços humanos, nos dizeres do sociólogo Bauman”, explicou.
O palestrante ainda frisou que retornar a questão mitológica grega, auxilia-nos a compreender uma das características fundamentais do amor: a carência. “O amor, como toda arte, possui suas exigências e renúncias em nosso cotidiano, implicando em um contínuo despojar-se, portanto, não se tem uma fórmula pronta, aprende-se a arte de amar, amando!”.
De acordo com o aluno do segundo ano de Teologia Douglas Fortes, o evento apresentou uma verdadeira chave de leitura da realidade. “A Ponte de reflexão entre o Amor doação de Kierkegaard em relação ao Amor líquido do contemporâneo Zygmunt Bauman, discutida pelos alunos Júlio Cézar e Anderson, mostrou que é necessário a vivência da filosofia, em plena era da tecnologia”, ponderou.
Para Nailton José Gonçalves do terceiro ano de Teologia amar é uma arte e um desafio, principalmente na sociedade atual, em que o valores estão cada vez mais desfasados; o amar é um constante "navegar contra a correnteza". “Acredito que a iniciativa da Faculdade Católica em promover uma discussão sobre as questões do cotidiano é uma oportunidade ímpar de contribuir com a sociedade para mudar a realidade, levando-a a enxergar a beleza da vida e protagonizar um novo amanhã”, concluiu.
O evento “Questões do Cotidiano” acontece toda terceira terça-feira do mês no auditório da Faculdade Católica de Pouso Alegre. Participe com a gente!

Público presente


Café filosófico traz o tema "o vazio existencial no homem contemporâneo: um olhar a partir de Heidegger"

A segunda edição do Café Filosófico acontece no próximo dia 04 de junho às 16h no Plenarinho da Câmara Municipal de Pouso Alegre com o  professor mestrando Adriano Geraldo da Silva.

O tema proposto é "o vazio existencial no homem contemporâneo: um olhar a partir de Heidegger"

O evento é gratuito e as vagas são limitadas. Garanta já sua participação!

As inscrições estão encerradas para este evento! Acompanhe o Café Filosófico "O vazio existencial no homem contemporâneo: um olhar a partir de Heidegger" ao vivo pela TV Câmara, no dia 04/06, a partir das 16h!

Inscreva-se para a II Semana Teológica

De 30 de maio a 3 de junho, a Faculdade Católica de Pouso Alegre promove a II Semana Teológica, com o tema: "O nome de Deus é misericórdia". O evento é organizado pela Coordenação do Curso de Teologia e Centro Acadêmico da Teologia/Órgão de Representação Estudantil.

Confira a programação:

30/05: Palestra - “A misericórdia no magistério do Papa Francisco”
Dom Pedro Cunha Cruz
Doutor em Filosofia e bispo diocesano da Campanha

31/05: Mesa-redonda - “A misericórdia na teologia e na filosofia                                                  contemporâneas”
Prof. Dr. Pe. Adriano São João
Prof. Me. Pe. Élton Cândido Ribeiro

01/06: Cinedebate com o Prof. Me. Pe. Jean Poul Hansen

02/06: Mesa-redonda – “A misericórdia no Evangelho de Lucas”
Prof. Me. Pe. José Luiz Gonzaga do Prado
Prof. Esp. Pe. Adílson Rocha

3/06: Palestra – “A relação entre misericórdia e justiça  na Doutrina Social da Igreja”

Prof. Dr. Pe. Luiz Gonzaga Scudeler


Inatel e Faculdade Católica promovem mais um encontro do projeto “Arte e Pensamento”

Professor Dr Tácito durante sua fala ao
 lado do professor Wander do Inatel
No último dia 26, o Instituto Nacional de Telecomunicações – Inatel, em parceria com a Faculdade Católica de Pouso Alegre, promoveu mais um encontro do projeto “Arte e pensamento”. Trata-se de uma atividade que tem como objetivo tratar de temas do cotidiano com intervenções artísticas, aguçando na plateia uma discussão saudável acerca dos temas em questão, desenvolvidos pelos professores Wander Wilson Chaves, do Inatel, e Leila Silvia Latuf S. Tourinho, da Faculdade Católica.
Com entrada franca, estiveram presentes alunos do Inatel e do primeiro ano de Filosofia da Faculdade Católica de Pouso Alegre, alunos de outras faculdades, da cidade de Santa Rita do Sapucaí, como também de professores de diversas instituições de ensino daquela cidade, além de outros interessados pelo evento.
O professor Wander deu as boas-vindas aos presentes e explicou que o projeto, “Arte e Pensamento” é um projeto acadêmico do Inatel com a Faculdade Católica de Pouso Alegre. “Espero brindar toda população com várias edições do nosso ‘Arte e Pensamento’”, ressaltou.
Dividindo o palco do Teatro Inatel, com o palestrante da noite, professor e psicólogo Dr. Tácito Carderelli da Silveira, estavam os meninos da banda Patronagens Band, que interpretaram composições de artistas como, Gabriel O Pensador, Eric Clapton, The Beatles e Roberto Carlos. O tema do debate “Utopia: quanto mais, menos droga, quanto menos, mais droga”, foi retratado pelo professor como um sintoma do nosso tempo. Para o professor, “... este é um assunto muito complexo e polêmico. Complexo porque envolve uma série de questões sociais, econômicas e culturais e por isso abordá-lo não é uma tarefa fácil. O segundo ponto que a gente toma como princípio embora muitos ainda resistam admitir, não há forma totalmente eficientes de prevenir o uso abusivo das drogas”. Destacou sobre a questão do álcool na nossa sociedade, salientando também o aspecto econômico, grande fator que impulsiona e fomenta o comércio das drogas lícitas e ilícitas. Finalizou a sua fala argumentando que a solução é transmitirmos às futuras gerações o desejo de acreditar que se pode transformar a sociedade e que isso faremos através da educação.
Para o coordenador dos Cursos de Extensão da Faculdade Católica, Padre Vanildo de Paiva, o evento ofereceu “excelentes paradigmas para se pensar o tema da drogadição, pois os discursos sobre drogas muitas vezes são reducionistas. Quando se inclui na temática drogas ilícitas e lícitas, como os medicamentos, amplia-se a discussão e se compromete mais as pessoas, que se abstêm de fazer algo porque não consomem drogas ilícitas”.

O próximo “Arte e Pensamento” acontece em 14/06/2016 com o tema: “A questão do mal”. Acompanhe as notícias da Faculdade Católica através do nossa página no facebook: Faculdade Católica de Pouso Alegre.

A Banda Patronagens Band durante sua apresentação

Alunos do primeiro ano do curso de Filosofia da Faculdade Católica durante o evento

Alunos do primeiro ano do curso de Filosofia da Faculdade Católica durante o evento